Home Diversão & Cia Vanhos “banhar” minha “fiinha”.

Vanhos “banhar” minha “fiinha”.

5 min read
Comentários desativados em Vanhos “banhar” minha “fiinha”.
0
1,202

Blogs Mix – Vanhos "banhar" minha "fiinha"?😍😍😍

Visite o nosso blog: ❤️ ❤️ ❤️ http://bit.ly/2u4pUWrVanhos "banhar" minha "fiinha"? 😍😍😍Curta-Comente-Compartilhe: 👇 👇 👇👇 👇 👇👇 👇 👇👇 #BlogsMix – Artigo interessante: 👉 👉 👉 http://bit.ly/2fjqrBXCurta também os nossos parceiros 👇 👇 👇🚩 https://www.fb.com/vozinhasamadas🚩 https://www.fb.com/naodescodosalto🚩 https://www.fb.com/dicasdemaquiagem/🚩 https://www.fb.com/sosvagasdeempregos🚩 https://www.fb.com/tpmexplosiva

Posted by Tudo & Cia on Monday, August 21, 2017

Como melhorar o cotidiano do portador de Alzheimer

Cuidar de uma pessoa com doença de Alzheimer em casa é uma tarefa desafiadora para qualquer família. As mudanças são significativas e as necessidades do paciente precisam ser entendidas e incorporadas na rotina familiar.

Mas é comum que os comportamentos difíceis de que tem a doença gerem um enorme estresse físico e emocional nas pessoas ao redor. Por isso, é importante que o cuidador tire um tempo para relaxar e cuidar de si e, se sentir necessidade, contrate um profissional.

Além disso, é fundamental criar um plano de ação e adotar algumas estratégias que facilitam o dia a dia de todos os afetados:

Planejar o dia – uma agenda bem estrutura ajuda o paciente com Alzheimer a manter um senso de organização. Na fase em que o idoso ainda é independente, repasse com ele as atividades que serão realizadas no dia.

Atividades – fazer atividades prazerosas ao paciente vai deixá-lo mais ativo e engajado. Exercícios físicos, por exemplo, são ótimos estimulantes. Mas é melhor criar uma rotina de atividades do que tentar ensinar algo novo. Outra dica é estimular a independência, ajudando-o apenas com o que ele não consegue realizar sozinho.

Comunicação – não fale com a pessoa com a doença de Alzheimer como um bebê e não fale sobre a pessoa como se ela não estivesse ali. Quando falar com o idoso, seja objetivo, olhe nos olhos e dê tempo suficiente para uma resposta, sem interromper. Se ele está confuso, não discuta ou insista no assunto.

Memória – um bom jeito de ativar a mente do paciente é lembrá-lo de sua própria história. Para trazer estas memórias à tona, utilize álbuns de fotos e músicas “de seu tempo”.

Disposição de objetos – para que o idoso se sinta mais localizado e saiba o lugar de cada coisa, mantenha os objetos da casa sempre no mesmo lugar e armários e guarda-roupas bem organizados.

Noção de dias e meses – a noção de tempo vai diminuindo conforme o Alzheimer progride. Para ajudá-lo a se localizar temporalmente, deixe um calendário próximo e marque com ele a passagem dos dias.

Atenção à segurança – para manter o seu familiar seguro, adote algumas medidas como usar cadeados em armários com objetos potencialmente perigosos, verificar a temperatura da água e evitar assoalhos que facilitam uma queda.

 

Comente sobre esse post com os amigos.
Load More Related Articles
Load More By BlogsMix
Load More In Diversão & Cia
Comments are closed.